Segunda, 29 Março 2010 02:00    PDF Versão para impressão Enviar por E-mail
Jovens abraçam ciência de olho em Moscovo
Avaliação: / 0
FracoBom 

http://1.bp.blogspot.com/_6Pe6GJKQIP4/RteyTxAQ2NI/AAAAAAAABB4/cHYyfGSlPCY/s400/Moscovo+5+-+FFC.JPG
A Associação Juvenil de Ciência (AJC) vai levar três grupos de jovens a Moscovo, para participarem no ESE 2010 — Expo-Sciences Europe, uma iniciativa da associação internacional Milcet Europe. Um dos grupos escolhidos será do Externato Infante D. Henrique, onde estão a ser desenvolvidos dois projectos candidatos ao apoio da AJC.

Lília Cunha, presidente do Núcleo de Braga da AJC, revela que três escolas portuguesas se candidataram ao apoio da associação tendo em vista a participação no evento que decorrerá de 27 de Junho a 3 de Julho, em, Moscovo, na Rússia.

“Além da Alfacoop temos uma escola de Lisboa e outra de Odemira. A AJC vai levar a Moscovo um grupo de cada escola”, explica Lília Cunha, que tem acompanhado e apoiado o desenrolar dos projectos dos dois grupos de alunos da Alfacoop.
“Por razões financeiras, a AJC só poderá apoiar um dos projectos de cada escola. A selecção será feita em meados de Maio, quando os projectos estiveram numa fase avançada concretização”, explicou.

Além de um apoio financeiro para materiais, os jovens tem contado também com apoio da Alfaccop ao nível da cedência de laboratórios e oficinas. Tem também contado com o apoio de alguns técnicos e professores, uma vez que estes projectos se estão a desenvolver num contexto extra-curricular.

Aliás, em ambos os grupos os jovens estão a fazer bastante pesquisa, uma vez que os conhe-cimentos de que precisam para dar forma aos seus projectos não fazem parte dos programas curriculares.

Robot de busca e salvamento

Alunos de turmas de 10.º e 11.º ano, Paulo Araújo, Ricardo Sousa, António Ferreira, Vasco Silva e Pedro Coelho constituem o grupo cujo projecto está mais avançado.
A ideia inicial destes jovens era construir um robot que, comandado através de computador, pudesse ajudar donas de casa ou pessoas de mobilidade reduzida a realizar determinadas tarefas.

O projecto mostrou-se bastante complicado e os jovens —sem abandonar essa ideia inicial— resolveram investir na concretização de um robot de busca e salvamento.
“É um robot com dois motores. Cada motor tem ligado a si uma roda que faz mover uma lagarta. Isso faz com que o seu ângulo de viragem seja praticamente nulo. Ou seja, é um robot que manobra muito bem em espaços apertados”, explicaram os jovens ao ‘Correio do Minho’;, acrescentando que o robot vai ter diversos sensores, nomeadamente de temperatura, de humidade, de gás e até de iluminação.

Já num avançado estado de construção, fruto das muitas tardes que o grupo de amigos tem passado no laboratório e nas oficinas do externato, o robot significa muito trabalho e muita pesquisa para estes jovens.

“Tivemos de angariar apoios, tanto a nível de material como alguma orientação em termos de conhecimentos”, explicam os jovens, que nesta aventura contam com o patrocínio de algumas empresas a quem bateram à porta: a SAR —Sistemas de Automação e Robótica e a ALiatrone.
Estes jovens têm também uma espécie de ‘diário de bordo’ na internet onde dão conta do desenrolar do projecto (www.robotvanj.pt.vu).

Grupo quer criar um movimento constante

João Miguel Oliveira, Luís Pedro Abreu, Juliana Marques e João Filipe Ferreira são os alunos que integram o outro grupo que está a desenvolver um projecto cujo objectivo final é o mesmo: ser o seleccionado para ir à ESE 2010, em Moscovo. São todos do 11.º A.
“O nosso projecto pretende criar um circuito eléctrico a partir de um circuito constante, de uma roda, através da forças de ímanes. Ou seja, pretendemos usar as forças de atracção e de repulsão para fazer a roda andar sozinha e, a partir esse movimento constante, criar um circuito eléctrico”, explicam os jovens.

Este projecto está ligeiramente mais atrasado do que o do outro grupo, mas nada que preocupe. “Já fizemos toda a parte da pesquisa e agora é só meter mãos à obra”, dizem confiantes.
Lília Cunha, que tem acompanhado o projecto, explica que o que estes jovens se propõem fazer não é simples: “Eles querem tornar o movimento constante e não é fácil fazê-lo nas proporções que eles o querem realizar”.

A presidente do Núcleo de Braga da AJC não esconde o seu entusiasmo por ver os jovens envolvidos em projectos que motivam o gosto pela ciência. Só lamenta que a AJC apenas possa levar um dos grupos a Moscovo. “O grande incentivo deles é mesmo Moscovo, mas participar já é excelente”, refere, explicando que apesar da AJC apenas apoiar a deslocação de um grupo de cada escola à ESE 2010, os grupos que conseguirem apoios também se podem inscrever e participar. “A partição é livre, a AJC apoia é alguns dos projectos”, concretiza.

Posted: 2010-03-29 01:00:00

CORREIO DO MINHO

[Moscovo+3+-+FFC.JPG]

[Moscovo+1+-+FFC.JPG]

 



Tags: que  jovens  ajc  uma  moscovo  projectos  grupo  robot  projecto  dos  para  grupos  tem  apoio  com  levar  constante  estes  ciência  vai  
Actualizado em ( Quarta, 31 Março 2010 18:39 )
 

Your are currently browsing this site with Internet Explorer 6 (IE6).

Your current web browser must be updated to version 7 of Internet Explorer (IE7) to take advantage of all of template's capabilities.

Why should I upgrade to Internet Explorer 7? Microsoft has redesigned Internet Explorer from the ground up, with better security, new capabilities, and a whole new interface. Many changes resulted from the feedback of millions of users who tested prerelease versions of the new browser. The most compelling reason to upgrade is the improved security. The Internet of today is not the Internet of five years ago. There are dangers that simply didn't exist back in 2001, when Internet Explorer 6 was released to the world. Internet Explorer 7 makes surfing the web fundamentally safer by offering greater protection against viruses, spyware, and other online risks.

Get free downloads for Internet Explorer 7, including recommended updates as they become available. To download Internet Explorer 7 in the language of your choice, please visit the Internet Explorer 7 worldwide page.